Terça-Feira, 18 de Dezembro de 2018

Notícias

Terça-Feira, 24 de Julho de 2018 08:42

Política

Sachetti confirma convite de Mendes para ser vice, mas descarta

"Sei que na política as coisas são fluidas e tudo muda muito, mas no meu caso não vai mudar", disse
Sachetti confirma convite de Mendes para ser vice, mas descarta O deputado federal Adilton Sachetti, que descartou possibilidade de ser vice-governador

O deputado federal Adilton Sachetti (PRB) confirmou ter entrado em pauta a possibilidade de ele assumir a vice-governadoria na chapa do pré-candidato ao Governo Mauro Mendes (DEM). O convite foi feito durante uma reunião do ex-prefeito de Cuiabá com o parlamentar.

Ao MidiaNews, entretanto, ele disse descartar a possibilidade de desistir da disputa ao Senado, ao qual ele é pré-candidato.

“Tive uma reunião com o Mauro, mas não houve nenhum tipo de avanço na negociação para ser vice. Não dei nenhuma esperança sobre recuar. Descarto totalmente a possibilidade de ser vice do Mauro”, afirmou.

O parlamentar disse estar repetindo há mais de três meses que é pré-candidato ao Senado e que não irá voltar atrás agora.

Segundo ele, caso não encontre espaço para disputar, não entrará no pleito eleitoral para nenhum outro cargo.

“Sei que na política as coisas são fluidas e tudo muda muito, mas no meu caso não vai mudar. Ou é senador ou é nada. Se não der para disputar o Senado, vou voltar a ser avô. Não tem outra hipótese”, disse.

Por fim, Sachetti ressaltou que o grupo de Mauro ainda não definiu as duas vagas ao Senado, como se especulou na última semana. Nos bastidores já era dado como certo que as vagas seriam disputadas pelo ex-governador Jaime Campos (DEM) e pelo ex-vice-governador Carlos Fávaro (PSD).

“Eu nunca me afastei do grupo do Mauro Mendes. Isso surgiu quando o Fávaro deu a entender que já estava fechada a candidatura dele ao Senado, mas isso ainda não está definido”, completou.

Sem Taques

Antes da reunião com Mendes, Sachetti se encontrou com o governador Pedro Taques (PSDB).

Ao tucano, recusou o convite de ser seu vice e que continuaria negociando com o grupo de Mendes.

“Me senti honrado pelo convite do governador Pedro Taques, mas recusei justamente porque não tenho nenhum interesse em ser vice-governador”, disse o parlamentar.

Fonte: Mídia News

NOTÍCIAS RELACIONADAS

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}