Domingo, 22 de Setembro de 2019

Notícias

Quarta-Feira, 11 de Setembro de 2019 07:20

Ajuda

Família de adolescente de Confresa diagnosticada com tumor pede ajuda para a realização de exames

A jovem já sentia os sintomas da doença desde o ano de 2016, contudo, descobriu a causa apenas este ano
Família de adolescente de Confresa diagnosticada com tumor pede ajuda para a realização de exames Priscila Pereira Rocha, de 17 anos (Foto: Olhar Alerta)

A jovem Priscila Pereira Rocha, de 17 anos, era moradora de Confresa, mas atualmente está na cidade de Primavera do Leste para tratamento médico, pois foi diagnosticada com tumores, ela e sua família tiveram de se mudar, visto que o município dispõe de melhores condições médicas.

Em entrevista ao site Olhar Alerta, Agatta Cristina, prima de Priscila, afirmou que a jovem já sentia dores e desmaiava desde o ano de 2016. A família havia a levado para a unidade hospitalar de Confresa e os médicos a diagnosticaram com um cisto. Uma cirurgia foi feita e ela melhorou. No ano seguinte a jovem engravidou.

A gravidez foi conturbada, Priscila sentia fortes dores e começou novamente a desmaiar. Ela foi levada para Primavera do Leste afim de fazer exames para saber do que se tratava sua doença, e lá a jovem soube que tinha um tumor e precisava fazer acompanhamento após a criança nascer.

Depois do nascimento do filho ela voltou para Primavera do Leste e para a surpresa dela e de sua mãe, o tumor havia se espalhado por seu corpo e novos exames mais detalhados precisavam ser feitos, além de a jovem ter de ficar na localidade para se tratar.

A mãe pediu demissão de seu emprego em Confresa e se mudou para Primavera, lá ela não trabalha e cuida de Priscila que está debilitada. A família precisa de ajuda para custear os exames e tratamentos pelos quais a adolescente é submetida. Para isso, é pedido o auxílio da população.

Para doar qualquer valor, basta fazer um depósito no Banco do Brasil – Agência 3989-6, conta corrente 29476-4, em nome de Ana Cristina Alves Rocha, mãe de Priscila. Para mais informações, basta entrar em contato com Ana, por meio do (66) 98410-9197.

Fonte: Redação Olhar Alerta

NOTÍCIAS RELACIONADAS

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}